Alvo do Botafogo, Robben desiste de aposentadoria e fecha com clube holandês

Meia-atacante, de 36 anos, volta aos gramados para representar o time que o revelou; Botafogo chegou a sondá-lo

  • Por Jovem Pan
  • 27/06/2020 16h20
Reprodução/GroningenRobben desiste de aposentadoria e volta a jogar Groningen

Cerca de um ano após se despedir do Bayern de Munique e de se aposentar dos gramados, o meia-atacante holandês Arjen Robben, de 36 anos, anunciou que vai voltar a jogar. O veterano desistiu da aposentadoria para reforçar o Groningen, clube da Holanda que o revelou para o futebol.

A contratação de Robben foi anunciada pelo Groningen em suas redes sociais. Robben afirmou que passou a ajudar o clube com a crise do novo coronavírus e que atuar pelo time de coração se tornou uma “missão” para ele. Há alguns meses, o atleta foi procurado pelo Botafogo. 

“Estou voltando para casa. De volta para o Groningen”, disse o holandês em declarações divulgadas pelo clube. “O clube precisa de qualquer ajuda durante esse período para superar a crise do novo coronavírus. Eu participei de várias ações e também pensei sobre o que mais eu poderia fazer pelo nosso Groningen. Nas últimas semanas, tive muitas reuniões com pessoas do clube e ouvi muito da torcida: “Robben, siga seu coração!”, prosseguiu.

Recentemente, Robben disse em entrevista à imprensa alemã que cogitava a ideia de retornar aos gramados e chegou a ser sondado pelo Botafogo, segundo o vice-presidente do clube, Ricardo Rotenberg.

“Eu comecei a pensar na ideia de voltar a jogar pelo Groningen e agora é a minha missão. Não sei ainda se isso vai funcionar. O que eu sei é que isso vai ter meu compromisso e motivação. É o meu sonho vestir essa camisa de novo”, destacou o jogador.

Robben será apresentado oficialmente como reforço do Groningen neste domingo, no estádio do clube holandês. Haverá entrevista coletiva, mas a presença de torcedores está proibida. O veterano, que vinha treinando há semanas no Bayern de Munique para aprimorar a parte física, usará a camisa 10.

Robben chegou ao Groningen aos 12 anos e, aos 16, fez sua estreia como profissional. Dois anos depois, foi vendido ao PSV. Depois, passou por Chelsea e Real Madrid até chegar ao Bayern de Munique, clube em que alcançou status de ídolo e pelo qual jogou por dez temporadas. Tem oito títulos do Campeonato Alemão e chegou ao seu auge com a conquista da Liga dos Campeões na temporada de 2012/2013.

*Com Estadão Conteúdo