Guaraní do Paraguai elimina Palestino e cai no grupo do Palmeiras na Libertadores

  • Por Jovem Pan
  • 28/02/2020 09h01
Reprodução/Club Guaraní O Guaraní do Paraguai está no grupo do Palmeiras na Libertadores

Algoz do Corinthians, o Guaraní do Paraguai confirmou classificação nesta quinta-feira (27) e será um dos adversários do Palmeiras na fase de grupos da Copa Libertadores da América. Os paraguaios jogavam pelo empate após vencerem por 1 a 0 na ida, mas derrotaram novamente o Palestino, do Chile, desta vez por 2 a 1, em Assunção.

Leandro Benegas abriu o placar para os chilenos aos 45 minutos do primeiro tempo. No entanto, na etapa final, Raúl Bobadilla igualou para os paraguaios logo aos três minutos. Depois da expulsão de Jonathan Benitez, do Palestino, aos 24, o Guaraní controlou o jogo e, aos 38, virou o placar com um gol de Rodney Redes.

O time paraguaio, que havia eliminado o Corinthians na segunda fase da Libertadores em Itaquera, entrou no Grupo B e, além do Palmeiras, vai enfrentar Bolívar, da Bolívia, e Tigre, da Argentina. A estreia do Guaraní será contra o time boliviano, em Assunção, na próxima quarta-feira.

As partidas entre Guaraní do Paraguai e Palmeiras serão no dia 10 de março, no Allianz Parque, pela segunda rodada da fase de grupos da Libertadores, e em 8 de abril, em Assunção, pela quarta rodada. Os dois melhores times avançam às oitavas de final.

A classificação do Guaraní definiu todos os grupos desta fase da Libertadores. A atual etapa começa na próxima terça-feira, quando quatro times brasileiros entram em campo. O Santos enfrenta o Defensa y Justicia na Argentina, pelo Grupo G. Pelo C, o Athletico Paranaense recebe o Penãrol, do Uruguai, na Arena da Baixada. Já pelo E, o Internacional encara a Universidad Católica no Beira-Rio, e o Grêmio visita o América de Cali.

Atual campeão, o Flamengo estreia na quarta-feira, pelo Grupo A, contra o Junior Barranquilla, da Colômbia, fora de casa. O São Paulo será o último brasileiro a entrar em campo na primeira rodada. A equipe do técnico Fernando Diniz enfrenta o Binacional, do Peru, na quinta, no estádio Guillermo Briceño Rosamedina, na cidade de Juliaca.

*Com informações do Estadão Conteúdo