Leila Pereira confirma permanência de Abel Ferreira no Palmeiras em 2022

Em conversa com os jornalistas, a também patrocinadora do clube confirmou a continuidade do técnico e do diretor Anderson Barros

  • Por Jovem Pan
  • 16/12/2021 12h25 - Atualizado em 16/12/2021 12h48
Reprodução/Palmeiras Leila Pereira é a nova presidente do Palmeiras Leila Pereira é a nova presidente do Palmeiras

Leila Pereira falou como presidente do Palmeiras pela primeira vez nesta quinta-feira, 16, em entrevista coletiva, na Academia de Futebol. Em conversa com os jornalistas, a também patrocinadora do clube confirmou a permanência do técnico Abel Ferreira e do diretor Anderson Barros na temporada 2022. “Nosso técnico bicampeão da Libertadores fica. Ele tem contrato até 2022, com a possibilidade de estender até o fim de 2023, confirmo que nosso técnico Abel permanece conosco cumprindo seu contrato. Anderson Barros permanece conosco. Toda a diretoria, todo nosso estafe do futebol, todos permanecerão. Como pode se alterar uma equipe tão vencedora?”, declarou a empresária.

Patrocinadora do Palmeiras há alguns anos, Leila Pereira também negou qualquer tipo de conflito de interesse por ser a nova presidente. “Olha, é uma questão muito singela. Nesta cadeira, vou defender os interesses do Palmeiras. Até para prevenir esse tipo de problema, nós renovamos o contrato de patrocínio para três anos na gestão do presidente Maurício Galiotte. Eu não vejo problema nenhum, não há conflito de interesses por ser dirigente e patrocinadora. Se vocês não sabem, existe um código de ética da CBF, que fala sobre isso. Ele diz que o dirigente pode ser patrocinador. O patrocinador está colocando recursos dentro do clubes. Vocês têm de se preocupar com quem retira dinheiro do clube, não com quem coloca. É uma questão desfocada”, declarou.

“Quando eu era patrocinadora, nunca me envolvi em questões técnicas dentro do Palmeiras. Nunca! Tinha meu papel como conselheira e patrocinadora, mas a partir de ontem, quando tomei posse, mudei isso. Vou mergulhar no Palmeiras, de fato, somente agora. Nunca dei opinião sobre outros assuntos. Se houver qualquer conflito… Falar genericamente é difícil. Por exemplo, se aparecer outra empresa querendo patrocinar o Palmeiras, tudo é questão de valores. Futebol se faz com investimento. Se vier uma empresa idônea, com capacidade de arcar com esse patrocínio e oferecendo valores maiores do que a da Crefisa, eu assino imediatamente. Vou esperar na porta do clube e estendo um tapete verde”, completou Leila Pereira.

Questionada sobre reforços, Leila Pereira confirmou que o clube está em busca de um centroavante e de outros jogadores para a disputa do Mundial de Clubes, marcado para começar em fevereiro de 2022. A nova presidente, apesar de não revelar nomes, explicou qual é o perfil procurado. “O objetivo é investir em jovens que deem retorno esportivo e financeiro, que em um futuro, se precisarmos vendê-los, isto retorne em investimento para o clube. O torcedor precisa entender que este é nosso objetivo, investir em reforços jovens com retorno esportivo”, comentou.