Luxa freia empolgação no Palmeiras, mas afirma: ‘Temos que trabalhar para ganhar o título’

  • Por Jovem Pan
  • 23/01/2020 09h29
Cesar Greco/Agência PalmeirasLuxemburgo não se empolgou com a vitória do Palmeiras sobre o Ituano

O Palmeiras massacrou o Ituano no segundo tempo ao anotar quatro gols na casa do adversário, na noite da última quarta-feira (22), no Novelli Júnior. Logo após a partida, no entanto, o treinador Vanderlei Luxemburgo adotou um discurso “pés no chão” e freou a empolgação natural com a goleada.

“Jogamos bem, tivemos segurança. Mas, se perdermos no domingo, as perguntas serão diferentes. Temos que trabalhar para ganhar o campeonato. Na minha cabeça, temos que trabalhar para terminar a primeira fase em primeiro. A primeira colocação me dá vantagem de jogar em casa. Temos que correr atrás disso. Tem que ter calma”, disse Luxemburgo, em entrevista coletiva.

“Não estou feliz demais [com a vitória por 4 a 0], tem que ter calma. Tem clássico domingo e temos que nos preparar bem. O São Paulo é um rival forte e trabalha bem, temos que ter calma”, continuou.

Aos jornalistas, Luxemburgo destacou a evolução do Palmeiras na etapa complementar após a entrada de Gabriel Verón na vaga de Raphael Veiga.

“No segundo tempo, tirei um jogador de meio [Veiga], que negocia mais a bola, para botar mais velocidade [Verón], principalmente em cima do lateral direito. Puxei o Dudu para abrir espaço aos laterais. Tirei o Luiz Adriano para evitar qualquer tipo de problema. O Zé Rafael entrou bem como segundo volante, é muito versátil. Foi tudo muito bom no segundo tempo”, analisou.

O Palmeiras volta a campo no próximo domingo, às 16h, quando enfrenta o rival São Paulo, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara.