Apresentado no Santos, Bustos pede apoio dos torcedores e fala sobre reforços

O técnico argentino também apontou os erros do time do Peixe, que ocupa a terceira posição do Grupo D do Campeonato Paulista

  • Por Jovem Pan
  • 02/03/2022 17h51
Reprodução/Santos FC Fabián Bustos durante entrevista coletiva no Santos Fabián Bustos durante entrevista coletiva no Santos

Fabián Bustos foi apresentado como novo treinador do Santos, nesta quarta-feira, 2, durante entrevista coletiva virtual. Demonstrando conhecimento do futebol brasileiro e da realidade do clube da Baixada Santista, o técnico apoio aos torcedores do Peixe. “No fim de semana já tem partida importante. Possivelmente tem a Copa do Brasil. É o mais complicado. É uma honra. O Santos me abriu as portas para estar no futebol brasileiro. Não há muito tempo para falar, tem que trabalhar. Peço a torcida que nos apoie, que dê mais crédito aos nossos jogadores. Vi como é importante ter a torcida apoiando, pressionando o rival. Temos muitos meninos, jogadores com muita capacidade. Precisamos estar todos unidos. Hoje temos que recuperar um pouco o que é da existência do Santos”, disse.

Questionado sobre a possibilidade do Santos contratar alguns reforços, Bustos demonstrou certa empolgação, mas disse que precisa de jogadores que cheguem com status de titulares, não apenas para compor o elenco. “Se hoje falo de um nome, de uma possibilidade, por ser o Santos, vai subir o valor. Deixo com a diretoria. Temos que trazer jogadores que venham para jogar. Que seja mais do que temos. Com o trabalho, vamos melhorar o que somos. Se a diretoria conseguir reforços, serão bem-vindos porque virão para somar”, comentou o técnico argentino, que também analisou os pontos negativos do time. “Quando digo que temos erros de finalização, não é culpa só do atacante. E defensivamente é igual. Temos que melhorar em cada espaço do jogo. Temos que pressionar melhor, pressionar alto quando dá. Temos que ser mais intensos para recuperar a bola, atacar o rival e gerar situações de gol”, declarou.