Lutador Justin Thornton morre aos 38 anos após ser nocauteado

De acordo com alguns veículos de comunicação dos Estados Unidos, o esportista não resistiu a uma paralisia parcial e uma infeção contraída por lesões na medula espinhal

  • Por Jovem Pan
  • 05/10/2021 10h23
Phil Lambert/BKFCO lutador Justin Thornton morreu após ser nocauteado

O lutador Justin Thornton morreu nesta segunda-feira, 4, depois de sofrer um nocaute em duelo do BKFC, organização de lutas de boxe sem luvas, em agosto deste ano. Na ocasião, o estadunidense foi derrotado por Dillon Cleckler em combate que durou apenas 19 segundos. Na luta, ele acabou sofrendo uma série de socos no rosto e precisou ser hospitalizado imediatamente. De acordo com alguns veículos de comunicação dos Estados Unidos, Thornton não resistiu a uma paralisia parcial e uma infeção contraída por lesões na medula espinhal.

Em nota publicada nas redes sociais, o presidente da BKFC, David Feldman, lamentou a morte do lutador, que fez carreira no MMA, com um cartel de seis vitórias e 18 derrotas. “Ficamos muito tristes com o falecimento de um de nossos lutadores, Justin Thornton, que competiu no BKFC 20 em 20 de agosto de 2021. Nos juntamos ao resto da comunidade de esportes de combate para enviar nossas mais profundas condolências à sua família e entes queridos”, disse. “Falamos com sua família, transmitindo nossas condolências e informando que eles contam com nosso total apoio durante este período difícil”, acrescentou.