Super Bowl LV: Tudo o que você precisa saber antes da decisão do futebol americano

Tampa Bay Buccanners e Kansas City Chiefs duelam neste domingo, 07, pelo título da temporada; partida será transmitida para o Brasil pela ESPN

  • Por Jovem Pan
  • 06/02/2021 16h00
Reprodução/ Logan Bowles/ NFLTampa Bay Buccanners e Kansas City Chiefs se enfrentam no Raymond James Stadium no domingo

Neste domingo, 7, será realizado o maior evento esportivo dos Estados Unidos: o Super Bowl. Em sua 55ª edição, a final do futebol americano será realizada no Raymond James Stadium, em Tampa Bay, na Flórida, casa de um dos concorrentes ao título, o Tampa Bay Buccanners, de Tom Brady, que enfrentará o Kansas City Chiefs, de Patrick Mahomes. Mesmo em meio à pandemia da Covid-19, o estádio receberá 25 mil pessoas (40% de sua capacidade), entre elas 7,5 mil funcionários da área da saúde que estão vacinados e foram convidados pela NFL. Além do espetáculo dos atletas, o tradicional show do intervalo terá a presença do astro pop The Weeknd. Com transmissão da ESPN para o Brasil, às 20h30 (horário de Brasília), o evento promete ter grande audiência, mas se você não é acostumado a acompanhar o futebol americano, nós separamos algumas curiosidades e informações importantes para não ficar perdido. Confira abaixo:

Como o futebol americano surgiu?

O futebol americano é uma ramificação do rúgbi, esporte com origem na Inglaterra do século XIX. Começou a ser praticado nos Estados Unidos nos anos 1860 por estudantes universitários. A primeira partida aconteceu em 1869 entre estudantes de Harvard e McGill, de Montreal. Desde então, as regras foram se aperfeiçoando, mudando conforme o tempo e se adaptando às eras, conquistando o coração dos norte-americanos como o esporte mais popular do país. A NFL (liga profissional de futebol americano dos EUA) foi formada em 1920, mas apenas em 1960 aconteceu o primeiro Super Bowl, proveniente da rivalidade entre NFL e AFL (American Football League), uma liga alternativa de empresários.

Durante muitos anos as ligas foram rivais, até que, em 1970, os proprietários se uniram em um acordo e se fundiram, formando duas conferências: a American Football Conference (AFC) e a National Football Conference (NFC). Os campeões de cada conferência se enfrentam no Super Bowl. O caminho até ele não é fácil. São 32 equipes divididas igualmente em dois grupos e que duelam na temporada regular por 17 semanas seguidas (cada time joga 16 partidas) em busca de uma vaga nos playoffs. Para a ‘pós-temporada’, como também são chamados os playoffs, classificam-se 14 times, que duelam em mata-mata até que cada conferência tenha o seu vencedor. Para quem está acostumado com oitavas de final com 16 equipes, é estranho ver um playoff com 14. É que os primeiros colocados de cada conferência só entram na segunda rodada eliminatória.

Quanto tempo dura uma partida?

As partidas da NFL duram 60 minutos e são divididos em quatro tempos de 15 minutos. É bem parecida com a divisão de tempo da NBA. Entre cada quarto, há uma pausa de dois minutos e, entre o segundo e o terceiro, há o chamado ‘halftime’ uma parada de 12 minutos na qual é realizado o tradicional show do intervalo no Super Bowl. Os times podem pedir tempo e as jogadas são geralmente paralisadas para faltas ou atendimentos. Ou seja, na prática o jogo leva, mais ou menos, 1h30 para finalizar, podendo se estender mais de acordo com cada paralisação.

Termos mais comuns nas transmissões

  • Interceptação: Quando um jogador de defesa intercepta o passe do quarterback e toma a posse da bola;
  • Fumble: Quando um jogador é derrubado pelo adversário e perde o controle da bola. Ele mesmo ou alguém de seu time pode pegá-la novamente, aí o ataque segue. Porém, se o adversário ficar com a posse, poderá organizar o contragolpe e correr em direção à linha de touchdown. Na maioria das vezes, ele é derrubado e, de onde caiu, segue a nova jogada;
  • Tackle: Quando um defensor derruba o adversário;
    Kickoff: É o início do jogo. Quando o jogador chuta a bola para o campo adversário com o objetivo de recuperá-la o mais próximo da linha de touckdown
  • Endzone: É uma área entre retangular nas extremidades do campo, onde se marca o touchdown. Há duas endzones, que ficam em lados opostos do campo e podem ser identificadas com os logos e as cores dos times.

Endzone do Los Angeles Rams em azul e amarelo

Como funciona a pontuação?

Existem quatro maneiras de um time pontuar durante a partida:

  • Touchdown (6 pontos): É anotado quando um time invade a “endzone” adversária;
  • Ponto extra (1 ou 2 pontos): Após um touchdown, o time tem a opção de chutar dentro do Y (trave) e somar mais um ponto ou tentar um “minitouchdown”, levando mais uma vez a bola dentro da “endzone” rival para dois pontos;
  • Field Goal (3 pontos): O kicker, jogador especialista em chutes longos, tem a missão de acertar a bola entre as traves do Y. Caso erre, o time rival inicia o ataque de onde a bola parou;
  • Safety (2 pontos): É a única pontuação do time da defesa e acontece quando os defensores conseguem derrubar o adversário que está com a bola dentro da sua própria endzone ou quando o quarterback é obrigado a lançar a bola antes de ser derrubado, também na sua endzone.

Quantos jogadores atuam em cada time?

O elenco oficial de cada time é composto por 53 jogadores, mas apenas 46 são relacionados para as partidas. Dentro de campo, são 11 por time, totalizando 22 no momento das jogadas. É importante saber que existem os times de ataque e os times de defesa, ou seja, a cada posse de bola mudam os jogadores em campo. Por isso, não se assuste quando ver tanta gente correndo. As posições são as seguintes:

  • Ataque: quarterback, running back, wide receiver, tight end, center, offensive guard, offensive tackle
  • Defesa: defensive tackle, defesive end, outside linebackers, inside linebackers, cornerback e safety
  • Especialistas: kicker, punter, holder e long snapper

A mais aclamada é a de quarterback, e sua principal função é dar inicio às jogadas e fazer passes para os wide receivers ou, menos frequentemente, para os tight ends. O wide receiver é um dos atletas mais rápidos dentro de campo e tem como função principal correr o máximo de jardas possíveis para anotar o touchdown. Na linha defensiva, o defensive tackle se posiciona no centro da defesa com o objetivo de pressionar o ataque adversário, impedir as corridas e, quando puder, derrubar o quarterback. Outro jogador muito acionado é o kicker (ou placekicker), que tem a responsabilidade de chutar os field goals, extra points e, como na maioria dos casos, fazer os kickoffs.

Arbitragem e VAR no futebol americano

Além dos jogadores em campo, sete árbitros também participam de cada partida, sendo um principal, responsável por informar as marcações para o público, e seis assistentes. Quando uma falta é marcada, eles jogam um “pano amarelo” no gramado para indicar a marcação. E assim como no nosso “soccer”, existe VAR no futebol americano. Ele é chamado de Instant Replay e conta com uma equipe responsável por checar todas as decisões de campo. Cada treinador pode desafiar as decisões da arbitragem duas vezes, incluindo as tomadas pelo VAR. Se o desafio se mostrar correto, a decisão de campo é mudada. Se estiver certo nos dois pedidos, ele tem direito a um terceiro.