Vettel anuncia aposentadoria da Fórmula 1 ao final da temporada de 2022

Tetracampeão do mundo utilizou suas redes sociais para comunicar sua despedida da principal categoria do automobilismo

  • Por Jovem Pan
  • 28/07/2022 09h56
Franck Robichon/EFE Sebastian Vettel Depois de passagens pela STR, Red Bull e Ferrari, Vettel encerrará sua carreira na Aston Martin

O piloto alemão Sebastian Vettel anunciou que irá deixar a Fórmula 1 em dezembro deste ano, quando a atual temporada chegar ao fim. Aos 35 anos de idade, o piloto da Aston Martin utilizou as redes sociais para informar os seguidores de que decidiu se aposentar da categoria e justificou a escolha, alegando que deseja se dedicar mais à família. “Estou aqui para anunciar minha aposentadoria da Fórmula 1 ao fim da temporada 2022. Eu amo esse esporte, mas ao mesmo tempo em que há vida nas pistas, também há fora delas. Ser piloto nunca foi minha única identidade. O comprometimento com a minha paixão não tem mais espaço ao lado do meu desejo de ser um grande pai e marido. Meu objetivo mudou de ganhar corridas e brigar por títulos para ver meus filhos crescerem”, disse no comunicado. Vettel também falou que seu posicionamento a favor da preservação ambiental não é mais compatível com sua carreira na Fórmula 1. ” Falando do futuro, sinto que vivemos tempos decisivos e o que faremos nos próximos anos vai determinar nossas vidas. Minha paixão vem com certos aspectos que eu aprendi a desgostar. Eles podem ser resolvidos no futuro. Falar não é suficiente, e não podemos esperar”, afirmou.

Em 16 temporadas na principal categoria do esporte, Vettel colocou seu nome na história da Fórmula 1. Sua primeira vitória aconteceu no GP da Itália de 2008, com  antiga STR, sendo a primeira da escuderia na época. Em 2009, aos 22 anos, foi vice-campeão mundial da categoria, batendo o recorde e se tornando o piloto mais jovem a atingir o resultado. Entre 2010 e 2013, exerceu um grande domínio com a Red Bull e se sagrou o tetracampeão mais jovem da história. Ao todo, o alemão conquistou 57 pole positions e 53 vitórias, sendo o quarto piloto que mais vezes subiu ao lugar mais alto do pódio da categoria. Além dos quatro títulos, Vettel foi vice-campeão em 2009, 2017 e 2018.