Zé Roberto Guimarães concorda com adiamento da Olimpíada para 2021: ‘Não era justo’

  • Por Jovem Pan
  • 24/03/2020 15h58
FIVB/divulgaçãoJosé Roberto Guimarães é o treinador da Seleção Brasileira feminina de vôlei

José Roberto Guimarães, treinador da seleção brasileira feminina de vôlei, aprovou a decisão de adiar os Jogos Olímpicos de Tóquio para 2021. Em vídeo enviado com exclusividade para a Jovem Pan, o técnico ressaltou que manter a Olimpíada para este ano seria uma injustiça com algumas modalidades.

Devido à pandemia do novo coronavírus, alguns esportes dos Jogos ainda não tinham seus participantes definidos. Por isso, no entendimento de Zé Roberto Guimarães, prorrogar a data do evento foi a melhor escolha das autoridades responsáveis.

“Acho que foi a melhor decisão que tomaram, tanto o o Governo Japonês, quanto o Comitê Olímpico Japonês, bem como o COI de adiar os Jogos Olímpicos de 2021. Nós temos que pensar na saúde do mundo. O mundo está vivendo uma pandemia, e a gente não sabe quando ela vai acabar”, clamou.

“Cada um tem que fazer sua parte, ficar em casa, se cuidar e cuidar de toda a família. Alguns esportes ainda tinham suas seletivas. Para esses esportes, não era justo que as coisas continuassem e que os Jogos acontecessem na data prevista”, continuou o treinador.

Zé Roberto Guimarães, por fim, reafirmou que é preciso pensar na saúde da população mundial. Até o momento, mais de 400 mil casos da Covid-19 foram registrando, com 18.246 mortes oficiais contabilizadas.

“Eu sei que foi muito difícil em função de várias coisa que envolvem a realização dos Jogos Olímpicos. Mas essa, realmente, foi a melhor decisão. Então vamos aguardar o próximo ano, 2021 está logo aí. Vamos pensar na saúde das pessoas”, encerrou.