Avião que caiu em SP não tinha caixa-preta; investigadores estão no local

  • Por Rafael Iglesias
  • 30/11/2018 18h51
Dario Oliveira/Estadão Conteúdo Acidente aéreo aconteceu em avenida da zona norte de São Paulo

O avião de modelo Cessna 210 que caiu na tarde desta sexta-feira (30), em São Paulo, não tem caixa-preta. O equipamento registra conversas dos tripulantes e não seria obrigatório para essa aeronave, que foi fabricada em 1980.

Membros do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) já estão no local do acidente, em Santana – zona norte – para apurar causas do acidente. O órgão é vinculado à Força Aérea Brasileira.

Bombeiros confirmaram a morte do piloto Guilherme Murback e do copiloto Leonardo Yamamura. Outras 12 pessoas ficaram feridas. Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a aeronave estava regular e pertencia a um empresário.