Bolsonaro anunciará saída do PSL a deputados nesta terça-feira

O nome do novo partido do presidente ainda não foi anunciado. A reunião para comunicar a saída do partido acontece às 16h, no Palácio do Planalto

  • Por Jovem Pan
  • 11/11/2019 16h52
Divulgação/PSLO presidente Jair Bolsonaro e o presidente do PSL, Luciano Bivar

O presidente Jair Bolsonaro decidiu colocar um fim na crise entre governo e PSL e deve anunciar sua saída aos deputados federais do partido nesta terça-feira (12). A informação é da revista Crusoé.

O anúncio deve acontecer durante reunião marcada para às 16h, no Palácio do Planalto. Inicialmente, o presidente havia convocado para a reunião apenas parlamentares ligados a ala bolsonarista do partido, mas depois mandou convidar também os deputados ligados ao presidente da legenda, Luciano Bivar.

A crise entre Bolsonaro e Bivar se estende desde o início de outubro quando o presidente afirmou que Bivar estava “queimado” e pediu para um apoiador “esquecer o partido”.

Alguns bivaristas, no entanto, foram excluídos da reunião – entre eles, o próprio presidente da sigla, Julian Lemos, vice-presidente do PSL, e Delegado Waldir, ex-líder do partido na Câmara, que chegou a afirmar que “implodiria” Bolsonaro.

De acordo com aliados, o presidente deve anunciar que irá para um partido ainda a ser criado do zero e deverá ressaltar que aqueles que quiserem acompanhá-lo serão bem-vindos.

O nome do novo partido do presidente ainda não foi anunciado. Segundo correligionários, o presidente também deve anunciar um aplicativo que recolherá as assinaturas necessárias para a criação de sua nova sigla.