Bolsonaro diz que indicará novo diretor da PF nesta segunda-feira

O presidente afirmou, durante transmissão ao vivo nas redes sociais, que ‘pede a Deus’ para não ter problemas nessa semana porque, segundo ele, se chegou ao ‘limite’

  • Por Jovem Pan
  • 03/05/2020 15h28
Dida Sampaio/Estadão ConteúdoJair Bolsonaro é o atual presidente da República

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, neste domingo (3), durante transmissão ao vivo nas redes sociais, que nomeará o novo diretor-geral da Polícia Federal nesta segunda-feira (4). Ele não mencionou o nome do escolhido para ocupar o posto.

Um dos nomes cotados pelo presidente, no entanto, é o do delegado Rolando Alexandre de Souza. Atual secretário de Planejamento e Gestão da Agência Brasileira de Investigação (ABIN), Rolando é próximo de Alexandre Ramagem, cuja nomeação ao comando da PF foi suspensa pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

A afirmação foi feita enquanto Bolsonaro prestigiava manifestação em Brasília a favor de seu governo e repleta de palavras de ordem contra o STF e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O presidente disse que não irá mais admitir o que chamou de interferência em seu governo e afirmou que as Forças Armadas estão ao lado do povo. Ao fim da transmissão, ele disse pedir a “Deus” para que não tenha problemas nessa semana, porque, segundo ele, se chegou ao “limite”.

*Com informações do Estadão Conteúdo