Brasil chega a 3.904 casos e 114 mortos por coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 28/03/2020 16h40 - Atualizado em 28/03/2020 19h14
Roberto Casimiro/Estadão ConteúdoCoronavírus tem afetado a vida de milhões de brasileiros

O Brasil superou a barreira dos 100 mortos pelo novo coronavírus. Neste sábado (28), o Ministério da Saúde informou que o País soma agora 3.904 casos e 114 óbitos por Covid-19. A taxa de letalidade é de 2,9%.

Na última sexta-feira, eram 3.417 casos e 92 mortes, o que significa que, em 24 horas, o Brasil teve mais 487 infectados e 22 óbitos confirmados. Apesar de o número de mortes em um dia ter crescido (de 14 para 22), o de novos casos diminuiu (de 502 para 487).

Das 22 mortes acrescentadas às contas do País neste sábado, três ocorreram no Rio de Janeiro, três no Ceará e 16 em São Paulo, estado que já soma 84 óbitos. Entre as novas vítimas fatais estão: três homens da capital fluminense (46, 65 e 67 anos), um homem de 92 anos de Sorocaba, uma mulher de Embu das Artes (82) e outra de Guarulhos (89). Outras 13 são da capital paulista, sendo sete mulheres (62, 71, 79, 77, 87, 87, 80) e seis homens (71,74, 77, 76, 76, 58).

Ainda segundo os dados, 90% das vítimas fatais do Brasil tinham acima de 60 anos. Além disso, 84% apresentaram pelo menos um fator de risco. Entre eles, cardiopatia, diabetes e pneumopatia. Até o momento 61,4% das pessoas que morreram foram homens (62 casos). Já mulheres representam 38,6% (39 casos).

Entre as regiões, o Sudeste segue sendo o mais afetado pelo novo coronavírus, com 57% do total de infectados. Logo depois, aparecem Nordeste (16%), Sul (13%), Centro-Oeste (9%) e Norte (5%). São Paulo, com 1406 casos, e Rio de Janeiro, com 558, permanecem como os estados com o maior número de pessoas com Covid-19.

Segundo o Ministério da Saúde, a perspectiva para o próximo mês é de que a pandemia aumente ainda mais no Brasil, uma vez que o País está apenas início da curva de crescimento.