Brasil restringe entrada de estrangeiros no país por 30 dias

  • Por Jovem Pan
  • 01/07/2020 07h50 - Atualizado em 01/07/2020 07h52
Agência BrasilEstrangeiros terão restrições para entrar no Brasil por um mês

Em edição extra do Diário Oficial da União de terça-feira (30),  o governo restringiu a entrada de estrangeiros no país. Segundo o texto – assinado pelos ministros Walter Braga Netto, da Casa Civil, André Mendonça, da Justiça, Tarcísio Freitas, da Infraestrutura, e Eduardo Pazuello, da Saúde – fica restrita, pelo prazo de trinta dias, a entrada no País de pessoas de qualquer nacionalidade, por rodovias, via aérea ou transporte aquaviário.

A medida vale para os aeroportos de Cumbica, em São Paulo, Galeão, no Rio Janeiro, Viracopos, em Campinas, e Juscelino Kubitschek, no Distrito Federal.

Entre as exceções à nova regra, estão aqueles que possuem “visto de visita concedido para estada de curta duração, sem intenção de estabelecer residência, ou daqueles para os quais o visto de visita seja dispensado, com finalidade de realizar atividades artísticas, desportivas ou de negócios” e também quem busca entrar no Brasil para  “pesquisa, ensino ou extensão acadêmica; estudo; trabalho; realização de investimento; reunião familiar; atividades artísticas ou desportivas com contrato por prazo determinado.”

A medida busca frear o avanço do novo coronavírus no País. Na terça-feira, a União Europeia confirmou que brasileiros não poderão entrar nos países pertencentes ao bloco, apesar da retomada do turismo na Europa.