Bruno Covas é diagnosticado com câncer e passará por quimioterapia

  • Por Jovem Pan
  • 28/10/2019 13h32
Roberto Casimiro/Estadão ConteúdoO tumor, um adenocarcinoma, está localizado na área de transição entre o estômago e o esôfago

O prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas, foi diagnosticado com câncer no trato digestivo. A informação foi divulgada pela equipe médica do hospital Sírio Libanês em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (28).

O tumor, um adenocarcinoma, está localizado na área de transição entre o estômago e o esôfago e há também um nódulo hepático. O tucano passará por quimioterapia. Ainda não se sabe se ele se afastará da Prefeitura.

Ainda nesta segunda, pela manhã, Covas publicou em suas redes sociais que não tem dúvidas de que vai “vencer esse desafio“. Ele também agradeceu as “centenas de mensagens” que recebeu nos últimos dias.

Da erisipela ao câncer

Bruno Covas, de 39 anos, está internado desde quarta-feira (23) para tratar inicialmente o que seria uma erisipela (infecção cutânea). Em seguida, foi confirmada uma trombose venosa profunda nas veias fibulares. Exames posteriores também identificaram um tromboembolismo nos dois pulmões.

No último domingo (27), o prefeito de São Paulo realizou um pet scan (exame de imagem) que identificou o tumor. No mesmo dia ele passou por uma laparoscopia, onde foi coletado material para biópsia. A confirmação do tumor maligno aconteceu nesta segunda-feira.

Histórico

O avô de Bruno, Mário Covas, morreu em 2001 em decorrência de um câncer na bexiga. Porém, o atual prefeito de São Paulo não tem histórico familiar de tumores no trato digestivo. O diagnóstico surpreendeu os médicos, visto que o paciente não apresentava sintomas comuns de quem tem a doença.

Desde 2016, Bruno Covas mudou os hábitos e perdeu, pelo menos, 18 quilos. Atualmente, ele fazia academia cinco vezes na semana.