Caixa abre duas horas mais cedo a partir desta segunda

Com a mudança, as unidades passarão a funcionar das 8h às 14h

  • Por Jovem Pan
  • 03/05/2020 14h14 - Atualizado em 04/05/2020 07h35
EFE/Joédson AlvesO segundo pagamento será reformulado e divulgado após uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro ainda essa semana

A partir desta segunda-feira (4), a Caixa Econômica Federal vai antecipar em duas horas a abertura de todas as agências do país. Com a mudança — pensada para agilizar o atendimento e evitar grandes filas e aglomeração de pessoas aptas a receber o auxílio emergencial de R$ 600 — as unidades passarão a funcionar das 8h às 14h. Desde 22 de abril, 1.102 agências já vinham abrindo nesse horário.

O banco também anunciou um reforço no número de vigilantes nas agências. Serão mais 2.800 que vão se juntar aos 2 mil que já estavam atuando. Além deles, outras 389 recepcionistas vão auxiliar na orientação e atendimento ao público.

Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, as filas nas agências ocorrem porque os beneficiários do Bolsa-Família e os informais sem conta demandam atendimento pessoal. Por isso, afirmou à Jovem Pan que o calendário de pagamento da segunda parcela não será nos últimos 10 dias úteis do mês, como foi em abril, pois conflita com o recebimento do Bolsa.

O segundo pagamento será reformulado e divulgado após uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro ainda essa semana. Antes disso uma proposta de datas será discutida com os ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

Canais Digitais

A prioridade ainda é manter o atendimento digital, por meio do cadastramento por app, site e a movimentação do benefício pelo “Caixa Tem”. A Caixa ressalta a importância de que só devem ir pessoalmente às agências os usuários que precisam realizar serviços essenciais ou os beneficiários que receberam o auxílio na Poupança Social Digital e querem retirar em dinheiro.

Para quem busca informações sobre o cadastro, os canais são o site, o app Caixa | Auxílio Emergencial e a central telefônica exclusiva 111.