Ciro diz que Cid Gomes não corre risco de morte

  • Por Jovem Pan
  • 19/02/2020 18h43 - Atualizado em 19/02/2020 19h05
JARBAS OLIVEIRA / ESTADÃO CONTEÚDO. Os irmãos Cid e Ciro Gomes

O ex-governador do Ceará Ciro Gomes afirmou, nesta quarta-feira (19), que o irmão dele, o senador Cid Gomes (PDT-CE), não corre risco de morte após ter sido atingido por um tiro.

“Até aqui as informações médicas são de que as balas não atingiram órgãos vitais apesar de terem mirado seu peito esquerdo.  Novos exames estão sendo feitos mas a palavra aos familiares e amigos é de que Cid não corre risco de morte”, escreveu Ciro no Twitter.

 

Cid Gomes foi atingido por um disparo de arma de fogo na tarde desta quarta-feira, durante um protesto na cidade de Sobral, no interior do Ceará.

O parlamentar foi a Sobral participar de um protesto contra grupos que tentam impedir o trabalho da Polícia Militar por causa de um impasse na negociação de reajuste salarial com o governo estadual. Ele tentou invadir um batalhão da PM dirigindo uma retroescavadeira.