Defesa de Queiroz se diz ‘tranquila e surpresa’ com operação do MP-RJ

  • Por Jovem Pan
  • 18/12/2019 10h27
ReproduçãoInvestigação cumpre mandados de busca e apreensão no endereço do ex-assessor de Flávio Bolsonaro

A defesa de Fabrício Queiroz se disse “tranquila e surpresa” com a medida de busca e apreensão em andamento em seu endereço na manhã desta quarta-feira (18). O ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro é alvo, assim como outras nove pessoas ligadas a ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, de uma operação do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ).

Em nota, o advogado de Queiroz, Paulo Klein, afirmou que está tranquilo. “A defesa de Fabrício Queiroz recebe a informação a respeito da recente medida de busca apreensão com tranquilidade e ao mesmo tempo surpresa, pois absolutamente desnecessária, uma vez que ele sempre colaborou com as investigações, já tendo, inclusive, apresentado todos os esclarecimentos a respeito dos fatos”, escreve.

“Ademais, surpreende que mesmo o MP reconhecendo que o juízo de primeira instância seria incompetente para processar e julgar qualquer pedido relacionado ao ex-deputado o tenha feito e obtido a referida decisão, repita-se, de forma absolutamente desnecessária”, continua.

‘Rachadinha’

O Ministério Público do Rio cumpre diversos mandados de busca e apreensão em endereços de ex-assessores do senador Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do RJ (Alerj). Entre eles, está Fabrício Queiroz. As buscas estão sendo feitas em endereços de Queiroz no Rio e em Resende, no sul fluminense.

A investigação é sobre a prática de “rachadinha” no gabinete do então deputado estadual.

*Com Estadão Conteúdo