Doria diz que vídeo polêmico da esposa foi ‘editado por maldade’

Em vídeo que viralizou, Bia Doria afirma que não é ‘correto’ distribuir alimentos a moradores de rua

  • Por Jovem Pan
  • 06/07/2020 15h11
Mister Shadow/Estadão ConteúdoJoão Doria, governador do estado de São Paulo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), defendeu a primeira-dama do estado, Bia Doria, das críticas recebidas após a divulgação de um vídeo em que ela, ao lado da socialite Val Marchiori, diz não ser “correto” distribuir alimentos para moradores em situação de rua.

“O vídeo foi editado com enorme maldade, sem a menção do que antecedeu o vídeo, onde a Bia Doria, primeira-dama do estado e presidente do conselho do Fundo Social, dizia que o ideal era o acolhimento das pessoas em situação de rua. Que as pessoas em situação de rua em São Paulo pudessem estar acolhidas em centros específicos para isso — como, durante a Prefeitura (2017 a 2018), eu procurei fazer, e como tem feito o (atual prefeito da capital) Bruno Covas (PSDB) na medida do possível. E que, ali sim, pudessem ser oferecidos não apenas alimentos, com também guarida, a cama, o cobertor, o banho, e condições de assistência básica de saúde”, disse, em coletiva de imprensa sobre o novo coronavírus.

“Lamento muito que até bons jornalistas, bons veículos de comunicação, não tenham se informado melhor sobre o contexto da gravação como um todo”, completou o governador.