Eduardo nomeia novos vice-líderes na Câmara; todos podem ser suspensos pelo PSL

  • Por Jovem Pan
  • 22/10/2019 11h10 - Atualizado em 22/10/2019 11h11
Pablo Valadares/Câmara dos DeputadosFilho do presidente assumiu a liderança do partido na Câmara nesta segunda-feira

O atual líder da bancada do PSL na Câmara dos Deputados, deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), nomeou, nesta terça-feira (22), seus novos vice-líderes, todos parlamentares da ala “bolsonarista”, ou seja, ligados ao presidente Jair Bolsonaro (PSL). Dessa lista, todos também foram notificados sobre o processo de suspensão pelo PSL e  têm, a partir de hoje, um prazo de cinco dias para apresentar defesa.

O primeiro vice-líder é Filipe Barros (PSL-PR). Os outros são Sanderson (RS), Carla Zambelli (SP), General Girão (CE), Márcio Labre (RJ), Alê Silva (MG), Daniel Silveira (RJ), Chris Tonietto (RJ), Junio Amaral (MG), Bibo Nunes (RS), Bia Kicis (DF), Luiz Philippe de Orleans e Bragança (RJ) e Luiz Ovando (MS).

Na segunda-feira (21), em seu primeiro ato como novo líder do PSL na Câmara, Eduardo determinou o desligamento de todos os vice-líderes do partido na Casa. Ele foi confirmado no cargo na manhã de ontem, após receber o apoio de 28 dos 53 parlamentares da legenda – a lista original tinha 29 nomes, mas um não foi aceito pela Secretaria Geral da Mesa.

*Com Estadão Conteúdo