FHC: ‘Liberar condenados em 2ª instância, mesmo em nome da Constituição, tem resultado negativo’

  • Por Jovem Pan
  • 19/12/2018 18h56
Rodrigo Ramon/Jovem PanFernando Henrique Cardoso criticou a decisão do ministro Marco Aurélio Mello

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso usou o Twitter para falar sobre a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello de soltar presos condenados em segunda instância, nesta quarta-feira (19). O tucano classificou a decisão como negativa.

“A decisão de juiz do STF, é como a de líder político: mede-se pelas consequências; liberar condenados em 2ª instância, mesmo em nome da Constituição, tem resultado negativo: aumenta a insegurança e a descrença na Justiça. Que o plenário resolva logo a questão”, escreveu FHC em seu Twitter.

Nas respostas ao tweet, muita gente se incomodou com a frase “mesmo em nome da Constituição” e acusou Fernando Henrique de não se preocupar com a Carta. “Um ex-presidente do Brasil pedindo para rasgarem a Constituição Brasileira. Que vergonha!”, escreveu um dos seguidores.

Por outro lado, muitos seguidores também aproveitaram para criticar a decisão de Marco Aurélio. “O que mais a Justiça brasileira fez até agora, usar as instituições para fins políticos”, tuitou um internauta.