Governador da Bahia amplia toque de recolher após 80% de ocupação em UTI

Medidas anunciadas neste domingo também restringem funcionamento de bares, restaurantes e transporte público

  • Por Jovem Pan
  • 21/02/2021 19h53
EDUARDO MATYSIAK/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOGovernador da Bahia, Rui Costa, anunciou medidas mais duras para mitigar a disseminação da Covid-19

Governador da Bahia, Rui Costa (PT) anunciou neste domingo, 21, a ampliação do toque de recolher na maior parte do estado depois que a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) chegaram a 80%. A partir desta segunda-feira, 22, a restrição para a circulação de pessoas será das 20h às 5h. Apenas a região oeste do estado está isenta da medida imposta para diminuir a disseminação do novo coronavírus. O governador também determinou que o atendimento presencial em bares e restaurantes será limitado até às 18h, enquanto os serviços de entrega de comida poderão operar até às 23h. O funcionamento do transporte público também passou por mudanças e só será permitido a circulação até Às 20h30.

Em uma série de postagens no Twitter, Costa afirmou que o sistema de saúde do estado está à beira do colapso e pediu a compreensão e todos.” Estamos vivendo o pior momento da pandemia e precisamos fortalecer o compromisso com a vida. Nosso estado está à beira do colapso do sistema de saúde e, enquanto a vacina não chega pra todo mundo, apelo que evitem aglomeração e usem máscara ao sair”, afirmou.

A Bahia, assim como outros estados da região, registram o recrudescimento da pandemia após as festividades do fim de 2020. Segundo dados do Ministério da Saúde, até este sábado, o estado contabilizou 651.484 infecções e 11.128 mortes decorrentes da Covid-19. O aumento substancial de ocorrências também levou o Rio Grande do Norte a adotar estado de alerta após a detecção de novas variantes da Covid-19.