Governo de SP promete auxílio de R$ 125 milhões para áreas de turismo, eventos, comércio e gastronomia

Além do fornecimento de empréstimos a juros baixos, suspensão de corte de gás e água e possibilidade de parcelar contas sem juros foram anunciadas nesta quarta-feira, 3

  • Por Jovem Pan
  • 03/02/2021 13h51 - Atualizado em 03/02/2021 13h51
ELIANE NEVES/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO - 17/01/2021 Governador de São Paulo anunciou uma série de medidas de apoio para empresários

O governador João Doria afirmou nesta quarta-feira, 3, que o setor de turismo, eventos, comércio e gastronomia do estado de São Paulo receberá um pacote de auxílio de R$ 125 milhões em crédito a juros baixos por meio do Banco do Povo Paulista e do Banco Desenvolve SP. Além do pacote de auxílio financeiro, o governo anunciou a suspensão até o fim do mês de março do corte no fornecimento de gás e água (da Sabesp) para os estabelecimentos que não conseguiram honrar com os pagamentos. As dívidas nas contas, segundo o governador, poderão ser parceladas sem juros pelos próximos 12 meses.

Para que os empresários possam sanar as necessidades de capital de giro, a Procuradoria Geral do estado se comprometeu a suspender a partir desta quinta-feira, 4, os protestos de débitos inscritos na dívida ativa pública do estado. Com a suspensão das dívidas por 90 dias, os empresários terão capacidade de adquirir os financiamentos disponibilizados pelo estado e de negociar as dívidas. “Todas as condições especiais dessas linhas serão apresentadas na sexta-feira, mas no caso do Banco do Povo, são as menores taxas do mercado. Estamos operando com juros de 0.35, 0.7% nesse momento emergencial e inclusive em juros zero em parceria com o Sebrae para os casos mais críticos de empreendedores que estão precisando desse auxílio neste momento”, afirmou Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico de São Paulo.

O anúncio de auxílio para o setor do comércio ocorre no mesmo dia em que o governador retirou as restrições adicionais do Plano São Paulo ao funcionamento de comércios, shoppings, bares e restaurantes nos fins de semana para as regiões da Grande São Paulo, Araraquara, Baixada Santista, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Registro, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto e Sorocaba. Todas essas áreas, que estão na Fase Vermelha do plano, devem retomar o funcionamento nos dias 6 e 7 de fevereiro. Durante coletiva de imprensa, o governador exaltou a importância do diálogo com representantes das áreas para chegar ao pacote de auxílio anunciado nesta quarta. “Queremos agradecer aqueles do setor privado que entendem que é pelo diálogo que nós construímos e obtemos bons resultados. Não é por intimidação, não é por fake news, muito menos por ameaças”, pontuou João Doria.