Governo está finalizando medida provisória contra fraudes no INSS, diz secretário da Previdência

  • Por Jovem Pan
  • 18/01/2019 15h21
Agência BrasilGoverno também vai auditar 2 milhões de benefícios

O secretário especial da Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, disse nesta sexta-feira que (18) o governo está trabalhando “nos últimos pontos” de medida provisória que será editada tentar combater fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Questionado sobre a finalização da medida ainda nesta sexta-feira, ele afirmou que há essa possibilidade, mas não fez promessas. “Estamos trabalhando, vamos ver se vai dar certo”, declarou, após participar de reunião na Casa Civil.

Segundo o secretário, a equipe técnica está analisando “questões meramente formais”, no momento. A medida provisória antifraudes no INSS visa diminuir de cerca de R$ 20 bilhões em perdas ocorridas na seguridade social brasileira até dezembro.

No dia 9 de janeiro, Marinho informou que o governo federal vai fazer auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo INSS com indícios de irregularidade. A ação é um dos desejos declarados do presidente Jair Bolsonaro.

*Com informações da Agência Brasil