Homem suspeito de ter matado família no ABC já fugiu de prisão em 2014

  • Por Leonardo Martins
  • 05/02/2020 16h45
Reprodução/TV GloboMP denunciou cinco pessoas pelo assassinato de família em Santo André; filha e namorada estão entre os denunciados

Um dos homens presos suspeitos de participar do assassinato de uma família encontrada carbonizada em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, está envolvido em uma fuga de presídio.

Michael Robert dos Santos fugiu da Penitenciária de Franco da Rocha, em 2014. Ele teria saído para o feriado do Dia das Crianças e não teria voltado, ficando um ano foragido. Santos também já foi preso por receptação de veículo roubado.

Michael é suspeito de ter participado dos assassinatos de Flaviana e Romuyuki Gonçalves, e do filho deles, Juan Victor, de 15 anos.  Além dele, foram presos Guilherme Ramos da Silva, Juliano de Oliveira Ramos Júnior, a filha mais velha do casal, Ana Flávia, e a companheira dela, Carina Ramos.

Um sexto envolvido também foi identificado. Aos investigadores, Juliano relatou que Carina e Ana Flávia informaram que a família guardava 85 mil reais num cofre em casa, em Santo André.

Ana Flávia e Carina teriam planejado o crime e também participado das mortes. As duas compareceram ao Centro de Operações Integradas de Segurança nesta quarta-feira (5) para prestar um novo depoimento. Na primeira vez, elas se mantiveram em silêncio.

A Polícia Civil não divulgou a motivação do crime, mas, segundo os delegados, o caso está “99% concluído”.