Hospitais da rede privada de São Paulo pedem leitos de UTI à prefeitura

Nesta terça-feira, 16, o Estado de São Paulo registrou um novo recorde diário de óbitos, com 679 mortes registradas nas últimas 24 horas

  • Por Jovem Pan
  • 16/03/2021 19h51 - Atualizado em 16/03/2021 20h57
Sandro Pereira/Estadão ConteúdoAo todo, 15 unidades solicitaram leito de UTI à prefeitura

Em meio à alta no número de internações por Covid-19, 15 hospitais da rede privada de São Paulo pediram o empréstimo de leitos de UTI à prefeitura da capital. A informação foi confirmada pela Jovem Pan junto ao Secretário Municipal de Saúde, Edson Aparecido. Ao todo, as unidades privadas solicitaram 30 leitos à administração do município. No momento, o Estado possui 24.992 pessoas internadas por conta da doença, sendo que 10.756 estão em leitos de UTI, o que representa uma ocupação de 90%. As demais 14.236 estão recebendo atendimento em enfermarias. Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) afirmou que, apesar de refletir o agravamento da pandemia, as solicitações não mostram “o esgotamento da rede privada”. “Essas solicitações de transferências para a rede municipal de São Paulo podem estar ligadas ao fato do paciente não ter condições de concluir o tratamento integral na rede particular”, continua o comunicado da pasta.

Nesta terça-feira, 16, o Estado de São Paulo registrou um novo recorde diário de óbitos, com 679 mortes contabilizadas nas últimas 24 horas.  O total de vítimas fatais registradas desde o início da pandemia, em março de 2020, é de 64.902, fazendo de São Paulo o Estado mais atingido pela pandemia em números absolutos. Há também 2.225.926 casos, sendo 17.684 pessoas confirmadas nas últimas 24h. Na capital, segundo boletins da prefeitura, o total de casos da doença é de 673.443, enquanto que o número de mortos chega a 19.741, sendo que 156 deles foram registrados entre segunda e terça.

Confira os hospitais privados que solicitaram leitos à prefeitura:

  • Avi Ccena (1);
  • Albert Sabin (1);
  • Nove de Julho (1);
  • Edmundo Vasconcelos (1);
  • Lefort (1);
  • Vida’s (1);
  • Nossa Senhora de Lourdes (1);
  • Igesp (2);
  • São Camilo (2);
  • Maternidade São Miguel (2);
  • Nipo Brasileiro (3);
  • IAVC (3);
  • Santa Paula (3);
  • Santa Virgínia (3);
  • São Cristovão (5).