Joesley dá novos detalhes sobre o repasse de R$ 500 mil a Ciro Nogueira

  • Por Jovem Pan
  • 25/04/2018 14h37
Agência BrasilEm novo depoimento, empresário deu novos detalhes do encontro com o senador e do repasse do dinheiro

Em novo depoimento, colhido pela Polícia Federal em Brasília no último dia 6, o empresário Joesley Batista, do grupo J&F, deu detalhes sobre o local e o repasse de R$ 500 mil ao senador Ciro Nogueira (PP-PI), presidente nacional do partido.

Segundo informação obtidas pela TV Globo, Joesley aprofundou o relato feito ainda no ano passado, revelando que, no dia 17 de março de 2017, participou de uma reunião com o senador e o ex-diretor da J&F Ricardo Saud, responsável por repassar o dinheiro para Ciro, o que foi feito na garagem da casa do empresário.

Anteriormente, Joesley já havia relatado a entrega da quantia ao senador como pagamento de propina, repetindo o método utilizado com o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor do presidente Michel Temer.

Além da relação com Ciro, Joesley foi ouvido no inquérito que apura se o ex-procurador Marcelo Miller auxiliou os delatores da J&F enquanto ainda estava na Procuradoria-Geral da República, o que pode fazer com que eles percam os benefícios acordados após as delações.

Nota da defesa

Em nota, o advogado do senador voltou a afirmar que ele nunca recebeu qualquer quantia de Joesley e que a gravação da reunião ocorrida no dia 17 de março, e citada pelo empresário no depoimento, irá comprovar isso.