Médias de mortes e novos casos de Covid-19 chegam ao menor patamar desde janeiro

Pandemia apresenta tendência de queda no Brasil, de acordo com os números do Conselho Nacional de Secretários de Saúde; país registrou 149 óbitos e 30 mil infecções nas últimas 24 horas

  • Por Jovem Pan
  • 08/04/2022 20h33 - Atualizado em 08/04/2022 22h42
JOAO GABRIEL ALVES/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO Pessoas usam máscara de proteção contra a Covid-19 Números da pandemia de Covid-19 são os mais baixos desde janeiro de 2022

As médias móveis de mortes e novos casos de Covid-19 no Brasil seguem em queda e atingiram os menores números desde janeiro nesta sexta, 8, de acordo com dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass). Hoje, o Brasil teve 149 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, e registrou 30.212 novos casos da doença. A média móvel ficou em 160 por dia na última semana, o menor número desde 17 de janeiro, quando estava em 154. A média móvel de novos casos ficou em 21.257 diários, a menor quantidade desde 6 de janeiro, quando estava em 15.670. No total, o Brasil teve 30.123.963 casos de Covid-19 detectados e 661.122 mortes causadas pelo coronavírus desde o início do espalhamento do coronavírus. Os números refletem a “extinção” da terceira onda da pandemia, a da variante Ômicron, como relatou a Fiocruz em seu relatório semanal sobre o estado atual da doença no país.

A fundação, que monitora o andamento da pandemia no país, afirma que há uma “manutenção da tendência de queda” dos indicadores de “incidência e mortalidade” do vírus respiratório. A diminuição também ocorre nos casos de Síndromes Respiratórias Agudas Graves (SRAG). Em outros períodos críticos da pandemia, de acordo com a Fiocruz, “98% das internações por SRAG eram positivas para Covid-19, proporção que hoje se encontra em 50,7%”.