MP denuncia mulher que cortou barriga do namorado no Espírito Santo

Acusação alega que a ação foi impulsionada pelo uso de drogas e sem a motivação desconhecida; vítima voltou a ser internada nesta semana

  • Por Jovem Pan
  • 06/04/2022 16h26
Reprodução / Facebook / @CapixabaDaGema Praia cercada por área verde ao fundo Crime ocorreu na Praia do Ermitão, local turístico de Guarapari

O Ministério Público apresentou uma denúncia de agressão e lesão corporal grave contra a jovem de 20 anos que cortou a barriga do namorado e retirou parte de seu intestino no dia 16 de janeiro na Praia do Ermitão, em Guarapari, no Espírito Santo. Segundo o órgão, não há um motivo claro do que motivou a acusada a abrir um corte profundo na vítima, mas que sua ação foi impulsionada pelo uso de drogas. “A denunciada, utilizando objeto cortante, golpeou a barriga do réu e o rosto dele, causando-lhe as lesões gravíssimas estampadas nas fotos e vídeos juntadas aos autos, bem como no prontuário médico, que determinaram a debilidade permanente do intestino delgado da vítima, deformidade permanente e fratura da cavidade nasal e seio maxilar”, alega o documento que segue o indiciamento realizado pela Polícia Civil. A denúncia, porém, não pede a prisão da jovem e a mulher deve responder à acusação em liberdade. A pena do crime, caso seja condenada, varia entre dois a oito anos de prisão. O rapaz que teve sua barriga aberta e acordou com parte dos órgãos na areia voltou a ser internado nesta semana no Vitória Apart Hospital, localizado na cidade de Serra.