Mulher tem casa invadida e reage com tapas e chutes após desconhecido tentar agarrá-la; assista

Vítima gravava aulas de dança na sala de casa no momento da invasão; caso ocorreu em Paranaguá, no Paraná

  • Por Jovem Pan
  • 23/02/2021 14h12 - Atualizado em 23/02/2021 14h17
Reprodução/Facebook/Angela GonçalvesMomento em que Angela Gonçalves reage à tentativa do invasor

A técnica de enfermagem Angela Gonçalves teve sua casa, na cidade de Paranaguá, no Paraná, invadida enquanto gravava um vídeo de dança. O momento em que o homem invade a sua casa e tenta agarrá-la foi gravado. No vídeo, é possível ver o momento em que o homem se aproxima e o cachorro late. Assustado, o animal sai de perto do portão. O homem fica parado observando Angela, até que tenta abrir o portão. Ele entra e tira os seus chinelos. A mulher toma susto e tenta entender a situação, o desconhecido parte para agarrá-la. O que ele não esperava, porém, era que Angela fosse reagir. A técnica de enfermagem empurra, dá chutes e pontapés no estranho, que sai correndo. A filha da vítima, de 11 anos, também estava em casa.

“Gente, leiam pouco sobre psicopatia. Eu acho que esse cara me confundiu enquanto espiava no portão, com minha filha. Eu havia aberto portão uma meia hora atrás, porque recebi uma visita no portão, e, acabei não trancando de novo para a minha infelicidade”, explicou a enfermeira em suas redes sociais. Em um primeiro momento, o invasor sorriu para Angela, que se confundiu por uns segundos até reagir com a investida do desconhecido. “A reação de sorrir pro indivíduo foi porque, realmente, em primeiro instante, achar que o conhecia. Mas ao entrar na minha casa e tentar me agarrar, eu soco ele”, disse. “Alerta do vídeo para cuidarem das crianças. Eles chegam assim, sorrateiros, oferecendo ajuda, doces, fingindo conhecer a família. São pessoas doentes por sexo”. A vítima afirmou já ter realizado um Boletim de Ocorrência (B.O) na Polícia Civil de Paranaguá.