Agora na Cinemateca, Regina Duarte agradece a Bolsonaro por ‘presente’

  • Por Jovem Pan
  • 20/05/2020 11h27
Gabriela Biló/Estadão ConteúdoA atriz Regina Duarte acena ao deixar o Palácio da Alvorada

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quarta-feira a demissão da atriz Regina Duarte do cargo de secretária especial de Cultura. Segundo postagem nas redes sociais, ela vai assumir o comando da Cinemateca Brasileira, que fica em São Paulo. O nome do substituto de Regina na Cultura ainda não foi confirmado. A expectativa é de que o ator Mário Frias, apoiador de Bolsonaro, fique com o cargo.

“Regina Duarte relatou que sente falta de sua família, mas para que ela possa continuar contribuindo com o Governo e a Cultura Brasileira assumirá, em alguns dias, a Cinemateca em SP”, postou Bolsonaro.

Os dois gravaram um vídeo juntos, na área externa do Palácio da Alvorada, em que Regina começa questionando Bolsonaro se ele a está “fritando”. “Jamais iria fritar você”, responde o presidente.

Ao anunciar a mudança, pouco mais de dois meses após assumir a Secretaria de Cultura, Regina diz que assumir a Cinemateca é um “sonho de qualquer pessoa de comunicação, audiovisual, cinema e teatro”. Na prática, ela assumirá um posto em que será subordinada ao substituto na secretaria.

“Pode ter um presente melhor que esse? Obrigado, presidente”, diz a atriz. “Estou sentindo muita falta dos meus filhos e dos meus netos. É um presente duplo. É a Cinemateca e é estar próxima da minha família”, acrescenta.

*Com informações do Estadão Conteúdo