RJ: MP e Polícia Civil fazem operação contra milícia; Ronnie Lessa é investigado

O policial militar reformado, acusado de matar a vereadora Marielle Franco, é investigado pelo homicídio de André Henrique da Silva Souza e Juliana Sales de Oliveira

  • Por Jovem Pan
  • 09/09/2020 09h05 - Atualizado em 09/09/2020 09h10
Agência Brasil

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) cumprem, nesta quarta-feira, 9, cinco mandados de busca e apreensão contra suspeitos de envolvimento com a milícia que controla a comunidade de Gardênia Azul, na zona oeste da cidade do Rio. A ação busca informações para tentar solucionar os assassinatos do ex-policial militar André Henrique da Silva Souza e da companheira dele Juliana Sales de Oliveira, em 2014. O ex-vereador Cristiano Girão é um dos alvo dos mandados de busca.

Os assassinatos foram motivados por uma disputa territorial entre milicianos. Os mandados estão sendo cumpridos em locais da cidade do Rio de Janeiro, inclusive na cela de um investigado que está preso em Bangu, e de São Paulo. Um dos investigados pelo duplo homicídio, segundo a Polícia Civil, é o policial militar reformado Ronnie Lessa, acusado de matar a vereadora Marielle Franco e o motorista dela, Anderson Gomes. O MPRJ não divulgou mais detalhes devido ao sigilo das informações.

*Com Agência Brasil