SP: 557 patinetes foram recolhidos no primeiro dia de fiscalização

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2019 20h22
Leo Martins/Estadão ConteúdoDe acordo com a prefeitura, as empresas de locação não realizaram o credenciamento previsto na legislação

A Prefeitura de São Paulo informou no fim da tarde desta quarta-feira (29) que 557 patinetes elétricos foram recolhidos no primeiro dia de fiscalização em cumprimento às regras do decreto 58.750/2019.

De acordo com comunicado da prefeitura, as empresas de locação não realizaram o credenciamento previsto na legislação e, portanto, operaram sem autorização. As penalidades vão do recolhimento dos equipamentos até a multa de R$ 20 mil.

Ainda segundo a nota, as regras para a atuação das empresas foram publicadas com o “objetivo de promover a segurança de todos (pedestres, usuários, ciclistas e motoristas) e o uso adequado dos equipamentos de mobilidade individual, importantes meios de transporte”.

A Secretaria Municipal de Subprefeituras e a Guarda Civil Metropolitana (CGM) foram responsáveis por recolher os veículos na Avenida Faria Lima, Rua Funchal, Parque do Povo, entre outros. Quatro equipes e 38 pessoas estiveram envolvidas na operação. A fiscalização continuará nos próximos dias.

As empresas que quiserem se credenciar devem procurar a Secretaria Municipal de Transportes (SMT). O artigo 3°, da Portaria 69/2019, tem a lista completa da documentação que a empresa deve apresentar à prefeitura para o credenciamento.