Tesouro paga R$ 703,49 milhões a Estados em dívidas garantidas pela União

Maranhão, Minas Gerais e Rio de Janeiro foram os mais contemplados no período, somando mais de R$ 557 milhões recebidos

  • Por Brasília
  • 07/08/2023 12h53 - Atualizado em 07/08/2023 12h54
Pixabay Cédulas de real dispostas sobre superfície branca No total, desde 2016, a União realizou o pagamento de R$ 59,31 bilhões com o objetivo de honrar garantias em operações de crédito

Somente em julho, a União pagou R$ 703,49 milhões em dívidas a Estados, elevando para R$ 7,62 bilhões o total honrado em 2023. Os dados constam no Relatório de Garantias Honradas pela União em Operações de Crédito e Recuperação de Contragarantias (RMGH), do Tesouro Nacional, divulgados nesta segunda-feira, 7. Entre os entes da federação que mais receberam valores, o Maranhão aparece com R$ 266,42 milhões, seguido por Minas Gerais, com R$ 187,96 milhões; Rio de Janeiro, R$ 104,86 milhões; Goiás, R$ 77,75 milhões; Rio Grande do Sul, R$ 59,29 milhões e Pernambuco, R$ 7,20 milhões. Ao longo do ano, os maiores valores honrados em 2023 foram os Estados de Minas Gerais (R$ 2,29 bilhões, ou 30,08 % do total), do Rio de Janeiro (R$ 2,29 bilhões, ou 30,06 % do total), do Rio Grande do Sul (R$ 742,19 milhões, ou 9,74% do total) e do Maranhão (R$ 681,40 milhões, ou 8,95 % do total).

No total, desde 2016, a União realizou o pagamento de R$ 59,31 bilhões com o objetivo de honrar garantias em operações de crédito, recuperando R$ 5,61 bilhões (9,46%) desse montante pela execução das contragarantias, com juros de mora, multas e outros encargos previstos nos contratos de empréstimo, também pagos pela União. Todas as informações estão no Painel de Garantias Honradas, uma ferramenta para visualização de dados com recursos visuais inovadores e gráficos interativos.

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.