Airbnb limita número de hóspedes por estadia e proíbe festas em alojamentos

Determinação é global e tem como objetivo ‘manter a saúde pública’ em tempos de pandemia da Covid-19

  • Por Jovem Pan
  • 20/08/2020 18h43
PixabayAirbnb lança medidas contra a Covid-19

Por causa da pandemia da Covid-19, a Airbnb emitiu um comunicado nesta quinta-feira, 20, sobre uma ‘proibição mundial’ de festas ou eventos nos alojamentos alugados. O documento diz que não será permitido “todos os tipos de festas e eventos nos alojamentos anunciados na plataforma”, além disso a empresa de aluguel de imóveis por temporada estipula uma ocupação máxima de 16 hóspedes por alojamento, mesmo em casas capazes de acomodar mais do que esse total. “Esta proibição aplica-se a todas as futuras reservas na plataforma Airbnb, e permanecerá em vigor indefinidamente até nova determinação”, diz o comunicado.

A medida tem como objetivo principal ‘manter a saúde pública‘. Antes da pandemia ser decretada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) era permitido aos anfitriões realizarem ou autorizarem pequenas festas, como chás de bebê e comemorações de aniversário, desde que adequadas à sua casa e às regras da sua vizinhança. Ainda de acordo com o comunicado, “as consequências legais cabíveis em caso de descumprimento das regras” serão aplicadas. Segundo a Universidade John Hopkins, dos Estados Unidos, 789.825 pessoas já morreram após contrair o novo coronavírus, tendo 22.515.213 casos confirmados em todos os 196 países e territórios. Deste total, pelo menos, 14.102.900 casos foram já considerados curados pelas autoridades de saúde.