Estudante é morto a tiros em universidade no Panamá

Ministério Público informou que as primeiras investigações sobre o corrido foram iniciadas; ataques em instituições de ensino não são comuns no país

  • Por Jovem Pan
  • 07/06/2024 17h51
Reprodução/Facebook Centro Regional de Veraguas Um estudante morreu e outro ficou ferido durante acidente

Um homem abriu fogo nesta sexta-feira (7) contra um grupo de estudantes em prédios de uma universidade no sudoeste do Panamá, deixando um morto e um ferido, em um ataque incomum no país, informou o reitor da Universidade do Panamá, Eduardo Flores. “Fui informado de que um desconhecido abriu fogo contra um grupo de estudantes de Ciências Agrárias do Centro Regional Universitário de Veraguas que realizavam uma prática de campo. Foram reportados um morto e um ferido”, publicou Flores em sua conta na rede social X. Segundo a mídia local, o ataque ocorreu na cidade de Santiago de Veraguas, cerca de 250 km ao sudoeste da Cidade do Panamá, capital do país. As primeiras versões indicam que um grupo de estudantes do primeiro ano de Ciências Agropecuárias estavam realizando tarefas no centro universitário quando uma pessoa pulou a cerca que delimita o centro educativo e disparou contra os alunos.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

“A pessoa entrou, disparou e depois pulou a cerca” para fugir, informou aos jornalistas o diretor do centro universitário, Pedro Samaniego, que disse desconhecer os motivos do ataque.

No Panamá, ataques a tiros em universidades ou escolas não são comuns. Em 2023, o país centro-americano, de 4,2 milhões de habitantes, registrou 544 homicídios. O ferido foi levado a um centro hospitalar, em Santiago de Veraguas. O Ministério Público informou que as primeiras investigações sobre o corrido foram iniciadas.

Após o ocorrido, a  universidade também usou o Instagram para avisar que um evento que aconteceria no próximo dia 10, na segunda-feira, foi adiado.


*Com informações da AFP

 

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.