Papa emérito Bento XVI está gravemente doente, afirma jornal alemão

O ex-pontífice, de 93 anos, está bastante frágil e sua voz é praticamente inaudível, disse o autor Peter Seewald

  • Por Jovem Pan
  • 03/08/2020 09h05 - Atualizado em 12/08/2020 16h11
EFEFoi a primeira viagem do ex-papa para fora da Itália desde 2013, o ano que ele renunciou ao pontificado

O papa emérito Bento XVI está gravemente doente por causa de uma infecção de herpes zoster no rosto, que o acomete desde que retornou ao Vaticano após uma viagem à Alemanha, afirmou nesta segunda-feira, 03, o jornal alemão Passauer Neuer Presse, citando o biógrafo do pontífice. Bento XVI, de 93 anos, está bastante frágil e sua voz é praticamente inaudível, disse o autor Peter Seewald, embora haja otimismo sobre uma melhora nos próximos dias. De acordo com Seewald, o antigo líder da Igreja Católica se mantém lúcido.

O antigo pontífice viajou no fim de junho do Vaticano para Regensburg, na Alemanha, acompanhado de um assistente pessoal, um médico e uma enfermeira, além de outras pessoas que o acompanham quase diariamente na residência em que vive. A viagem aconteceu para que o Bento XVI fizesse uma visita final a seu irmão doente Georg Ratzinger, que tinha 96 anos e morreu pouco depois. Foi a primeira viagem do papa emérito para fora da Itália desde 2013, o ano que ele renunciou ao pontificado.

O biógrafo revelou ainda que o testamento espiritual de Bento XVI já foi redigido e será tornado público depois da morte do religioso. Um dos pontos já revelados é o desejo de Joseph Ratzinger de ser sepultado ao lado de João Paulo II, cujo corpo está em uma capela lateral da Basílica de São Pedro, no Vaticano. A biografia escrita por Seewald sobre o papa emérito é considerada a mais detalhada entre outras que foram publicadas, estando na terceira edição, após nova tiragem distribuída neste ano.

*Com informações da Agência Brasil e da EFE