Itália supera marca de 90 mil mortes causadas pela Covid-19

Vacinação no país já começou e 867.237 pessoas, sendo majoritariamente funcionários da saúde, já receberam as duas doses do imunizante

  • Por Jovem Pan
  • 04/02/2021 16h30
EFE/EPA/RICCARDO ANTIMIANIPaís tem 2,5 milhões de casos de Covid-19

O Ministério da Saúde da Itália confirmou que o país ultrapassou a marca de 90 mil mortes causadas pela Covid-19 desde o início da pandemia. O número foi superado nesta quinta-feira, 4, quando o país registrou 422 novos óbitos. Com isso, o total de vítimas fatais da doença é de 90.241. No mesmo período, as autoridades italianas registraram mais 13.659 casos de Covid-19, aumento o total de infetados no país para  2.597.446. A marca foi alcançada em meio à uma tendência de queda na pressão dos leitos hospitalares. Segundo o ministério, dos 430.277 casos ativos, 19.743 estão internadas – mais de 300 a menos que ontem – e 2.151 estão precisando de terapia intensiva. A vacinação no país já começou e 867.237 pessoas, sendo majoritariamente funcionários da saúde, já receberam as duas doses do imunizante. A região de Lácio, que engloba a capital Roma, deverá começar a vacinar idosos com mais de 80 anos a partir da próxima segunda, 8.

*Com informações da EFE