Líder da Coreia do Norte diz que Trump é desequilibrado e pagará por ameaça

  • Por Estadão Conteúdo
  • 21/09/2017 21h17
EFE/RODONG SINMUNKim afirma que o líder americano "não está apto a deter a prerrogativa do supremo comando de um país". Ele também descreveu o presidente dos EUA como um "desonesto e um gângster louco para brincar com fogo"

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong Un, qualificou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como “desequilibrado”, em comunicado divulgado pela agência de notícias estatal. Segundo a mensagem, Trump “pagará caro” por suas ameaças aos norte-coreanos.

Kim afirma que o líder americano “não está apto a deter a prerrogativa do supremo comando de um país”. Ele também descreveu o presidente dos EUA como um “desonesto e um gângster louco para brincar com fogo”. O comunicado foi divulgado pela agência estatal KCNA, em resposta ao discurso combativo de Trump na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas na terça-feira.

Kim disse que as declarações de Trump o convenceram “de que o caminho que escolhi é correto e que eu devo segui-lo até o fim”. O líder norte-coreano disse que estava “pensando muito” em sua resposta, mas que Trump “pagará caro por seu discurso pedindo a total destruição” da Coreia do Norte.