Marco Antonio Villa: Bruno Covas não deveria tirar licença durante período de chuvas

  • Por Jovem Pan
  • 11/03/2019 07h53
Ananda Migliano/Estadão ConteúdoAlém de caos, há um grande custo econômico e humano

Temporal provoca verdadeiro caos na Grande São Paulo. A chuva forte que caiu desde a noite de domingo (10) alagou grandes vias, provocou deslizamentos de terra, deixou cidades ilhadas e, pelo menos, três mortes.

“Falando de São Paulo, o que causa estranheza é a licença do prefeito. Ele tirou mais uma e sumiu da cidade desde sexta-feira e ficará cerca de 10 dias fora da cidade. Não sei quais as razões, mas sabendo do período de chuvas não era o momento. Poderia tirar em outro momento, mas não agora. Infelizmente, é necessário registrar a situação gravíssima. E isso, além de caos, tem grande custo econômico e humano”, diz Marco Antonio Villa.

Confira o comentário completo: