Marco Antonio Villa: Começo de tramitação da reforma da Previdência não é bom

  • Por Jovem Pan
  • 21/03/2019 07h37
J. Batista/Câmara dos DeputadosProposta de reforma da Previdência dos militares deve gerar economia de somente R$ 10 bilhões nos próximos 10 anos

Proposta de reforma da Previdência dos militares deve gerar economia de somente R$ 10 bilhões nos próximos 10 anos. O valor, abaixo das expectativas iniciais, se deve às contrapartidas do projeto, como o reajuste de salários e a reestruturação das carreiras nas Forças Armadas.

Nos Estados e no Distrito Federal, essa economia será bem maior: R$ 52 bilhões. A estimativa é do Ministério da Economia, que ressaltou que policiais militares e bombeiros também estão incluídos na proposta de mudanças nas aposentadorias.

“Começa o encaminhamento mais efetivo da reforma da Previdência na Câmara, mas o começo não é bom. A proposta inicial era maior que esse. R$ 10 bilhões é 1% de R$ 1 trilhão. Isso mostra incompetência do Governo em estabelecer boa relação com o Congresso. É necessário fazer política com profissionais, no bom sentido. A reforma está chegando muito mal à Câmara. Aquele R$ 1 trilhão estimado por Paulo Guedes não vai passar de um quarto do valor”, diz Marco Antonio Villa.

Confira o comentário completo: