Espanha e Itália aumentam incertezas na Europa

  • Por Jovem Pan
  • 01/06/2018 11h25
EFE/Javier LizónParlamento espanhol votou pela destituição do primeiro-ministro, Mariano Rajoy, por suspeitas de corrupção

A Espanha optou pela destituição de Mariano Rajoy. Há um movimento independentista da Catalunha e Rajoy era um dos principais opositores. Isso pode ser visto como enfraquecimento do governo de Madri.

Mas os espanhóis destituíram Rajoy por suspeitas de corrupção e não tem a ver com sentimento em pertencer a União Europeia e continuar fazendo parte do regime do euro.

Já na Itália, a situação é mais complexa. Em março dois partidos populistas venceram as eleições tentaram formar um governo, mas não conseguiram. O presidente Sergio Matarella vetou alguns membros dessas tentativas por serem abertamente contra o euro. O momento é de dúvida de continuação da própria União Europeia (…)

Há 25 anos havia a certeza de que o mundo estava se integrando em gigantescos blocos econômicos, políticos e sociais. Hoje, isso já não existe mais.

Assista ao comentário completo: