Vera: Por reeleição, Bolsonaro precisa focar na economia e abandonar ruídos

  • Por Jovem Pan
  • 06/11/2019 08h09
Flickr/Palácio do PlanaltoBolsonaro precisa se afastar de intrigas e focar em boas relações para conseguir aprovar reformas

Ao completar 300 dias de governo, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) já deixou bem claro que pretende disputar as eleições de 2022. Para conquistar uma reeleição, um dos principais fatores será o sucesso – ou não – econômico de seu governo.

Para conseguir se manter no cargo por mais quatro anos, Bolsonaro deverá trabalhar para que a economia e a política andem nos mesmos trilhos durante esse primeiro mandato, o que tem se mostrado difícil durante os dez meses iniciais de governo. Após o primeiro grande sucesso de sua gestão, que foi a reforma da Previdência, a equipe econômica precisa cada vez mais de ótima orquestração política e afinidade com o Congresso, uma vez que é dele que dependem as aprovações das próximas reformas.

O problema está justamente nessa dependência da política, uma vez que essa ala do governo prima pelas brigas, encrencas e pelo viés ideológico. Nesses primeiros 300 dias, declarações polêmicas, falas arbitrárias e agressivas e algumas explosões marcaram a gestão, além de desconfortos com autoridades e políticos – algo que não pode continuar acontecendo caso Bolsonaro queira o sucesso de seu primeiro mandato e, quem sabe, um segundo.