Promotora explica representação contra Lumena do ‘BBB 21’: ‘Fez verdadeiras atrocidades’

Eliana Passarelli foi a convidada do programa De Tudo Um Pouco desta terça-feira, 2, e falou sobre implicações legais sobre o comportamento da participante do reality

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2021 22h35 - Atualizado em 03/02/2021 07h10
Jovem PanEliana Passarelli comentou sobre o comportamento das participantes do 'BBB 21'

A promotora Eliana Passarelli explicou a representação que irá protocolar contra a psicóloga Lumena, que está participando do Big Brother Brasil 21, dizendo que ela cometeu “verdadeiras atrocidades” dentro do reality. A promotora foi uma das convidadas da edição desta terça-feira, 2, do programa De Tudo Um Pouco, que é transmitido de terça à sexta no Canal do Youtube Jovem Pan Entretenimento e no Panflix às 21h. Ao explicar o que será feito, ela argumentou que Lumena teria quebrado o código de ética da profissão. “Eu vou pedir ao Conselho Nacional de Psicologia, que remeterá ao conselho regional dela para que sejam apuradas as condutas delas dentro do Big Brother enquanto psicóloga. Os psicólogos, assim como promotores e juízes, têm seu código de ética. E esse código de ética é tanto na vida privada quanto na vida pública. E essa moça fez verdadeiras atrocidades lá dentro e eu realmente não entendo como ela poderia ou poderá cuidar de alguém do ponto de vista psicológico”, explicou Passarelli, que continuou, dizendo que possíveis punições ficarão a cargo do Conselho.

A promotora também comentou a ligação da Rede Globo, que transmite o reality, dizendo que ela tem uma “coparticipação” e dizendo que participantes que se verem prejudicados poderiam entrar com ações contra seus adversários e contra a própria Globo, “que me exibiu dessa forma e fez eu ter minha imagem vinculada à coisas ruins”. Eliana falou sobre a situação de patrocinadores, dizendo que a retirada de apoio financeiro por conta de comportamentos como o de Lumena e da cantora Karol Conká, dizendo que, apesar de não achar provável, a emissora poderia retirar as participantes do programa. “Pode acontecer. Eu não acredito nisso porque a audiência está fantástica. Agora, eu patrocinador, quero ver meu nome ligado a duas pessoas completamente fora dos contextos?”, indagou a promotora.

Por fim, Eliana também falou de forma mais específica sobre a situação de Karol Conká, que vem sendo criticada por seus comportamentos dentro da casa. “Essa moça comete crimes lá dentro. Vários crimes. Daqui a pouco, ela vai provocar uma ação criminosa muito maior do que ela imagina”, disse a promotora, que depois citou alguns crimes que teriam sido cometidos pela cantora. “Injúria, difamação e calúnia têm uma ‘pancada’. Têm um por dia, dá várias ações. Ela comete um assédio de natureza moral. Ela o constrange, há um constrangimento legal quando ela pede para que ele não sente com ela na mesa. Isso é um constrangimento”. A promotora também citou um episódio no qual Karol é acusada de xenofobia por fãs do reality.

Confira a íntegra do De Tudo Um Pouco desta terça-feira, 2: