Vampeta critica Daniel Alves após declaração polêmica: ‘Não é um grande líder!’ 

  • Por Jovem Pan
  • 17/09/2019 14h21
ReproduçãoO pentacampeão mundial Vampeta é um dos comentaristas esportivos da Rádio Jovem Pan

O empate por 1 a 1 entre São Paulo e CSA, no último domingo, no Morumbi, motivou uma polêmica declaração por parte de Daniel Alves. Escalado pela primeira vez como lateral-direito, e não meio-campista, desde que voltou ao Brasil, o experiente atleta, que não teve grande atuação mesmo jogando em sua posição de origem, cutucou a imprensa e cobrou que a comissão tricolor não abandonasse as suas convicções.

“Estamos aqui para construir juntos, posso ajudar os meus companheiros a serem melhores do que são. Eu jogando de lateral passo muito tempo sem tocar na bola, e é difícil fazer seus companheiros jogarem melhor. É evidente que a imprensa nunca vai saber disso, porque nunca jogou futebol. Não é uma crítica, quero passar uma mensagem que não temos que nos posicionar do que a imprensa fala. Se não gera uma instabilidade que normalmente a imprensa está para isso. Não estou criticando vocês, estou sendo honesto”, afirmou.

A fala repercutiu bastante, é verdade, mas não agradou a Vampeta. Em participação no Camisa 10 e Esporte em Discussão desta terça-feira, o comentarista do Grupo Jovem Pan exaltou a qualidade de Daniel dentro de campo, mas disse que ele nunca foi um grande líder fora das quatro linhas. Para o pentacampeão mundial, quando “dão o microfone” a Daniel Alves após um empate ou derrota, “não sai coisa que preste”. 

“O Daniel Alves é meu parceiro, meu conterrâneo e tudo, mas… Ele se perde muito! Quando você dá o microfone para ele, ele se perde demais. Ele joga muito, ganhou tudo na Europa, foi oito ou nove vezes o melhor lateral-direito da Europa, mas ele não é esse grande líder! Onde ele jogou, não foi esse grande líder, não! No Barcelona, era o Xavi, Iniesta, Busquets, Piqué… No PSG, Thiago Silva, Cavani… Ele sempre jogou bem, mas nunca foi um cara de liderança”, disparou. 

“O Daniel veio para o São Paulo com todo mundo achando que ele é o grande líder, que vai botar as coisas no lugar, mas o Daniel Alves, quando você dá o microfone na mão dele principalmente quando se perde ou se empata, não sai coisa que preste, né? Não gostei da declaração dele! Se empatou com o CSA, foi culpa dos atletas do São Paulo. Se você somar o salário do Daniel Alves com o do Hernanes, banca a folha de pagamento toda do CSA. E um mês de salário do São Paulo paga seis meses do CSA. Então, os jogadores têm que fazer a diferença, algo que não estão fazendo após a Copa América”, finalizou. 

Assista, abaixo, ao comentário de Vampeta: