Após encontro surpresa com Fernández, Maia defende boa relação entre Brasil e Argentina

  • Por Jovem Pan
  • 06/12/2019 06h50 - Atualizado em 06/12/2019 09h42
Reprodução/TwitterPor meio de Maia, Fernández enviou uma mensagem ao presidente Jair Bolsonaro, manifestando a vontade de trabalhar em conjunto

O presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández, recebeu, nesta quinta-feira (5), uma delegação de deputados brasileiros liderada pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Acompanhado dos parlamentares Aguinaldo Ribeiro e Paulo Pimenta, Maia se reuniu em Buenos Aires com o presidente da Câmara argentina, o deputado Sergio Massa.

Após a reunião, a comitiva brasileira foi convidada a conhecer Fernandez. O futuro embaixador da Argentina no Brasil, Daniel Scioli, também estava presente.

Por meio de Maia, Fernández enviou uma mensagem ao presidente Jair Bolsonaro, manifestando respeito ao colega brasileiro e a vontade de trabalhar em conjunto.

Maia avaliou que a aproximação entre os dois países é uma afirmação da democracia. “Nós precisamos respeitar e trabalhar em conjunto. Independente de divergências ideológicas, nós temos que tirar, da nossa relação, aquilo que interessa a população brasileira e argentina, e que os embates ideológicos fiquem fora da agenda principal, fiquem apenas no âmbito da discussão na imprensa brasileira e argentina”, disse.

Ao fim da reunião, Maia reiterou que é importante fortalecer a relação entre Brasil e Argentina em prol do crescimento econômico no Mercosul.

Durante a campanha presidencial argentina, Bolsonaro fez críticas à possibilidade da volta da esquerda à Casa Rosada. Apesar da tentativa de aproximação, o presidente já anunciou que não vai comparecer à posse de Fernández, que acontece na próxima terça-feira (10).

*Com informações da repórter Livia Fernanda