Covas se encontra com Alckmin, mas nega conversa sobre chapa eleitoral

Prefeito afirmou ter debatido com o ex-governador a reforma tributária, que está em discussão no Congresso Nacional

  • Por Jovem Pan
  • 07/03/2020 08h36 - Atualizado em 07/03/2020 08h36
Aloisio Mauricio/Estadão ConteúdoEx-presidenciável está afastado da política desde 2018 e é lembrado como um quadro alternativo caso Covas não possa concorrer à reeleição este ano

Em encontro com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP), o prefeito Bruno Covas (PSDB-SP) negou ter conversado sobre chapa eleitoral. Os tucanos estiveram juntos na tarde desta sexta-feira (6), na sede da Prefeitura de São Paulo, no centro da cidade.

O encontro foi anunciado na agenda oficial de Covas. O prefeito afirmou ter debatido com Alckmin a reforma tributária, que está em discussão no Congresso Nacional. Ao ser questionado sobre chapa eleitoral, ele brincou com os jornalistas.

“Chapa só se for o corpo diretivo do Santos Futebol Clube. Não, não… O governador, grande figura. Só os conselhos de acupuntura pra ficar mais calmo e aguentar vocês da imprensa”, disse.

Na opinião dos tucanos, a reforma ideal deve ser neutra, sem aumentar os impostos e nem a carga tributária. Para eles, o modelo de arrecadação que deve ser simplificado.

Na ocasião, o ex-governador Geraldo Alckmin se solidarizou com os familiares das vítimas da tragédia na Baixada Santista, que deixou ao menos trinta mortos. “Toda a tristeza com as perdas de famílias, toda a solidariedade à população e nosso carinho, nossas orações. Falei até com os prefeitos lá da Baixada”, lamentou Alckmin.

O ex-presidenciável está afastado da política desde 2018 e é lembrado como um quadro alternativo caso Covas não possa concorrer à reeleição este ano.
O tucano, no entanto, nega o interesse em disputar a eleição municipal.

* Com informações do repórter Leonardo Martins