Doria anuncia investimento de R$ 2,5 bilhões em saúde, habitação e assistência social na capital paulista

Segundo o governador, o recurso faz parte de um montante de R$ 22 bilhões que deve ser investido até o final de 2021

  • Por Jovem Pan
  • 14/10/2021 10h23 - Atualizado em 14/10/2021 12h41
ANDRÉ RIBEIRO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOO anúncio foi feito em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes na última quarta-feira, 13

O governo e a prefeitura de São Paulo anunciaram um investimento de R$ 2,5 bilhões na capital paulista. O Estado vai transferir para o município quatro imóveis que serão usados para serviços de saúde e mais de 540 respiradores. Também haverá o repasse de R$ 333 milhões para hospitais filantrópicos e o Centro de Tecnologia em Oncologia Bruno Covas. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), destacou que os recursos investidos na parceria estão entre as previsões de investimento para 2021. “Esses recursos fazem parte dos R$ 22 bilhões que o governo estadual está investindo este ano por ter feito a reforma administrativa e realizado também a reforma previdenciária. Essa é uma parte daquilo que nós temos ainda a anunciar. Outras boas notícias serão tornadas públicas em breve, nessa ação conjunta da prefeitura da cidade de São Paulo e do governo”, declarou.

Em reunião na manhã da última quarta-feira, as autoridades estaduais e municipais definiram a construção de 29 mil unidades habitacionais e dois restaurantes do Bom Prato, um em M Boi Mirim e outra em Parelheiros, ambas na Zona Sul da capital. O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), afirma que o objetivo é ainda maior. “Temos agora uma meta de fazer 49 mil unidades habitacionais, para a gente poder entender a grandeza e a importância que é a questão da unidade habitacional. Quando a pessoa tem a sua residência, tem sua dignidade, para o trabalhador poder ter seu descanso”, disse. O acordo no setor de habitação prevê três convênios, sendo que o maior destina R$ 500 milhões para o programa municipal Pode Entrar.

*Com informações da repórter Nanny Cox