Fiocruz cria ferramenta para diagnosticar a Covid-19 pelo som da tosse

  • Por Jovem Pan
  • 04/07/2020 08h58 - Atualizado em 04/07/2020 10h00
SANDRO PEREIRA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOA proposta é que as autoridades incorporem o sistema em aplicativos já disponíveis

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em parceria com o governo do estado de São Paulo, está desenvolvendo um sistema para diagnosticar a Covid-19 por meio do som da tosse dos pacientes. O projeto, que se encontra na primeira etapa, pretende auxiliar a população a definir quando é necessário procurar atendimento médico.

O infectologista e pesquisador da Fiocruz Julio Croda, em entrevista ao Jornal da Manhã deste sábado (4), explicou que a iniciativa, por enquanto, “ainda é um projeto”. Segundo ele, na primeira etapa de desenvolvimento, nos próximos 30 dias, serão coletados sons de 900 tosses, sendo 300 de infectados com coronavírus, 300 de pacientes com outras doenças e 300 de pessoas sem doenças respiratórias. A partir disso, na segunda etapa, a Intel usará inteligência artificial para determinar “padrões sonoros que identifique a Covid-19 e outras doenças”.

“Após a etapa da coleta para validação da inteligência artificial, vamos oferecer a ferramenta para o governo, estados e municípios. Com acurácia superior a 93%, o paciente poderá ter um score [indicador de saúde do paciente] e, pela avaliação, determinar se tem uma grande chance de ter a Covid-19. Esperamos ajudar no isolamento social e na procura de ajuda médica.”

Julio Croda afirmou que não haverá custos para os estados, municípios e para o próprio governo federal, caso queiram disponibilizar a ferramenta para a população.

“A gente está trabalhando com diagnóstico presuntivo, a ferramenta pode ser usada para levar assistência médica. Se eu fiz no teste no aplicativo e deu probabilidade elevada, eu posso procurar um médico, que pode pedir exames mais específicos e realmente certificar se tenho a doença. Queremos oferecer a ferramenta gratuitamente, dessa forma a gente dá acesso a esse diagnóstico para auxiliar se aquela tosse é Covid-19.”