Novo confronto entre milícias rivais provoca caos no Rio de Janeiro

Criminosos invadiram uma estação de trem na zona oeste da capital e interditaram avenidas

  • Por Jovem Pan
  • 20/09/2021 07h03 - Atualizado em 20/09/2021 10h20
Reprodução/SuperViaEstação de trem foi interditada por criminosos na zona oeste do Rio de Janeiro

Criminosos fortemente armados invadiram neste domingo, 19, uma estação de trem em Senador Camará, na zona oeste do Rio de Janeiro. Os bandidos colocaram dormentes de madeira no meio dos trilhos. Por isso, a circulação foi suspensa no meio da tarde, segundo Supervia, concessionária que administra a malha de trens urbanos no Rio. Os transportes pararam de circular entre a Central do Brasil e Bangu e entre Santa Cruz e Campo Grande, na zona oeste. As estações foram reabertas no início da noite. Além da invasão da estação, um grupo de criminosos usou lixo para fechar a avenida Santa Cruz e outras ruas próximas. A região vive um clima tenso desde a semana passada por conta de uma guerra entre milícias rivais. Neste final de semana, o líder de uma milícia, Rafael Pulgão, foi transferido para um presídio de segurança máxima no complexo de Bangu, na Zona Oeste da capital. A região é dominada por milicianos, mas há também traficantes na região. A população segue com medo. A polícia foi acionada e permanece com efetivo reforçado no local.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga.